Como responder à questão: “O que é que você faz enquanto está desempregado?”

Questionar desempregados

Por em Desemprego


O desemprego apesar de ter tido ultimamente ligeiros indícios de recuperação está longe de ser um problema resolvido, e poderá perdurar assim durante mais uns anos.

Os especialistas apontam 3 factores importantes para o estado actual do desemprego mas também para a recuperação do mesmo.

1) Muitas empresas procuram apenas pessoas com pelo menos um grau académico superior

Esta é uma das realidades actuais, algumas empresas nacionais e estrangeiras que estão a recrutar estão apenas à procura de talento e só querem pessoas com pelo menos uma licenciatura ou o antigo bacharelato.

Cursos de Formação com Desconto →

2) Nos próximos anos muitos veteranos irão reformar-se

A população portuguesa está envelhecida e durante os próximos anos antevê-se que muitos dos quadros mais velhos irão procurar reformar-se. Com o número de novos nascimentos bastante baixo é provável que durante as próximas décadas sobre espaço nas empresas para a entrada de sangue novo.

3) Muitas pessoas querem trabalhar mas já perderam a esperança e desistiram de procurar trabalho

O desemprego é como uma doença, pode instalar-se em nós como depressão e fazer-nos desistir de lutar. Hoje muitas pessoas precisam de apoio psicológico para fazer face às dificuldades que o desemprego acarreta para as suas vidas, e por falta de meios financeiros não conseguem curar-se e acabam por não dar concorrência a quem está à procura de emprego.

As empresas e os seus recrutadores são perspicazes e matreiros nas perguntas que fazem nas entrevistas. Uma das coisas que lhes passa pela cabeça é que uma pessoa desempregada não faz nada a não ser esperar que o emprego lhe bata à porta. Cabe aos candidatos provar que estão errados e conceber respostas adequadas para esta questão: “O que é que você faz enquanto está desempregado?”.

Procure continuar a crescer enquanto profissional

  • Procure participar em eventos, feiras, conferências, workshops, etc.;

  • Leia muito sobre a sua área, especialmente revistas ou conteúdos online actuais;

  • Continue a melhorar as suas competências através de cursos de formação.

Seja participativo

  • Na Internet ou fora dela existem várias formas de participar em discussões e partilha de conhecimento. Aproveite para falar e conversar sobre a sua área de actuação com outros profissionais, estejam eles no activo ou não;

  • Escreva artigos relevantes e procure publicá-los na Internet ou em jornais locais;

  • Seja voluntário de uma instituição de solidariedade social. Ajude os outros tornando-se útil e activo;

  • Ajude alguém que está a começar a dar os primeiros passos na sua área e seja o seu mentor.

Nós ajudamos a encontrar
o emprego certo para si.

Nós ajudamos a encontrar os
candidatos certos para a sua empresa.