Evite ser despedido por andar no Facebook

Facebook

Por em Aconselhamento


O Facebook é uma ótima plataforma de relacionamento e extremamente útil também a nível profissional, no entanto é necessário ser cauteloso no seu uso para não ser despedido.

A cultura do patronato português é muito conservadora relativamente ao uso das novas tecnologias em horário laboral. Apesar da nova geração de empresários ver as redes sociais como uma oportunidade de negócio, a verdade é que a grande maioria das empresas ainda tem dificuldade em aceitar a Internet na sua organização, e consequentemente perde visibilidade.

Existe também uma linha que separa o profissionalismo do recreio, e é aí que muitos trabalhadores falham. O Facebook é pródigo em distrações e quando olhamos para o relógio já passou meia hora e continuamos a comentar e a fazer likes – tudo menos criar valor para a empresa.

Cursos de Formação com Desconto →

É muito fácil ser apanhado no Facebook ou em outro site que não está relacionado com o posto de trabalho, nomeadamente através dos registos do servidor interno da empresa ou até mesmo do próprio computador. Se a empresa estiver ativa nas redes sociais e o seu papel estiver associado ao marketing, a sua liberdade é maior, mas de qualquer maneira a prudência é sempre aconselhável.

Se quer realmente evitar problemas para si, veja quais as medidas que deve tomar para precaver um possível despedimento por andar no Facebook.

Colocar o seu perfil como privado

O Facebook permite entre outras opções criar níveis de privacidade para diversas situações tais como interações ou informações pessoais. Apesar de não proteger a 100% o que você faz nos conteúdos de outras pessoas, protege aquilo que você publica com o seu perfil.

Ter atenção à foto de perfil e à imagem de capa

A foto de perfil e a imagem de capa serão sempre visíveis independentemente se a sua conta é privada ou não. Considere uma foto sua discreta e sem ferir suscetibilidades.

Se está doente em casa tome cuidado

Estar em casa de baixa por doença é sinónimo de tempo livre que pode ser ocupado no computador. Tome cuidado com o que coloca nas redes sociais, principalmente se o seu perfil não é totalmente privado, ou caso tenha colegas de trabalho como amigos.

Não interaja com a concorrência

Um concorrente será sempre um rival na cabeça do seu patrão independentemente do que você fizer para contrariar isso. Tenha cuidado com a forma como interage com os seus concorrentes nas redes sociais e se possível evite ser fã dessas páginas, a não ser que esteja encarregue do marketing da empresa e necessite de tê-las debaixo de olho.

Não faça piadas sobre o seu emprego

O Facebook permite-nos ter uma postura menos formal e mais pessoal na forma como interagimos com os outros, e muitas vezes esquecemo-nos que somos amigos no Facebook de colegas de trabalho ou do patrão. Evite tecer comentários sobre o seu emprego e muito menos num tom de gozo ou sarcástico.

Não seja demasiado(a) óbvio no emprego

Nem todas as empresas permitem aceder ao Facebook na hora de trabalho e aquelas que o permitem estabelecem limites. Se você estiver a ultrapassar esses limites tentando esconder a página do Facebook, mais tarde ou mais cedo será apanhado em flagrante. Aquilo que o patrão não vê e não sabe pode magoá-lo correto?

Evite publicar fotos do local de trabalho

Se o patrão não é flexível ao ponto de o deixar navegar na Internet e frequentar o Facebook, não será certamente a favor que coloque fotos ou outro tipo de relaxamento no local de trabalho. Evite a todo o custo publicar fotos do local de trabalho em ambiente de descontração ou paródia, a não ser que o patrão autorize.

Nós ajudamos a encontrar
o emprego certo para si.

Nós ajudamos a encontrar os
candidatos certos para a sua empresa.