Como despedir-se do seu emprego para abraçar uma nova experiência

Mulher Pensativa

Por em Carreira


Agora que o novo ano começa, muitos são aqueles que perspetivam um futuro melhor a nível profissional, nem que para isso seja necessário quebrar algumas barreiras.

Se quer despedir-se porque encontrou um novo emprego ou simplesmente porque necessita de o fazer, tenha em consideração alguns aspetos para não sair prejudicado.

Nunca é fácil sair de um local onde passámos os últimos anos da vida profissional, mesmo que estejamos desiludidos ou até mesmo desgastados. Qualquer experiência tem o seu lado negativo e positivo, serve para nós crescermos como pessoas e profissionais independentemente de termos ou não gostado da experiência.

Cursos de Formação com Desconto →

É importante sair de cabeça erguida e dever cumprido, e isso também passa pelo tipo de abordagem escolhido para a saída. É importante poder sair bem e sem qualquer tipo de rancor, porque apesar de tudo o que passou está para trás e o que vai prevalecer será a última imagem que têm de nós.

Se tenciona sair do seu local de trabalho dentro de meses, tente preparar a sua saída já e amigavelmente, tentando criar um ambiente propício para que isso aconteça. Sabemos que existem casos em que a situação acaba por ser dificultada por outros colegas ou patrões, nesse caso tente manter a calma e tente chegar a um acordo bom para ambos os lados.

Mantenha os laços com alguns colegas

Para o futuro é importante você poder contar com algumas referências do seu local de trabalho anterior, mesmo que agora já tenha para onde ir. Não sabemos o que nos reserva dia de amanhã, e poderemos vir a necessitar de consultar um ex-colega ou ex-patrão para nos indicar a outra empresa.

Não estamos a querer dizer que tem fingir amizades, não é nada disso, mas certamente haverá pessoas com quais mantém boas relações no seu emprego e que deverá querer manter no futuro.

Já tem algum emprego assegurado?

Antes de sair do seu emprego é importante ter a certeza que tem alguma vaga à sua espera. Atualmente qualquer desempregado fica no mínimo 6 meses no desemprego quando não tem uma nova proposta – deve ser algo que você não deverá querer para si.

Considere todos os prós e contras

Mesmo que já tenha um emprego assegurado noutra empresa é importante medir todos os prós e contras antes de dar o salto. O dinheiro é importante e ninguém dúvida disso, no entanto poderá não justificar todos os sacrifícios.

Compare vários parâmetros em ambas as empresas e postos de trabalho antes da sua decisão final. Enumeramos alguns que deve considerar na sua análise:

  • Ambiente de trabalho;
  • Flexibilidade;
  • Salário;
  • Benefícios;
  • Responsabilidades;
  • Deslocações;
  • Horas extraordinárias.

Escreva uma carta de despedimento

Tente redigir uma carta de despedimento onde identifica os seus motivos, mas antes disso alerte os seus superiores que o irá fazer. Evite enviar mensagem de telemóvel (SMS) com a sua intenção de sair, isso provocará a ira dos seus patrões e poderá dificultar ainda mais a sua vida.

Tenha espírito positivo

Sabemos o quanto difícil está o mercado de trabalho, mas existem setores onde os trabalhadores continuam a ser valorizados pela sua prestação em detrimento dos estudos. É importante não perder a esperança e lutar por melhores condições de vida, nem que para isso tenhamos que arriscar sair do emprego.

Nós ajudamos a encontrar
o emprego certo para si.

Nós ajudamos a encontrar os
candidatos certos para a sua empresa.