A experiência como voluntário conta para o currículo?

Rapaz voluntário

Por em Carreira


Com os níveis do desemprego ainda altos e a escassez de oportunidades em algumas áreas, o voluntariado assume-se como uma alternativa válida, mas será que conta para o currículo?

Gostar de ajudar e trabalhar em prol de causas são os principais requisitos para entrar no mundo do voluntariado, mas paira sempre no ar uma interrogação – será que a experiência de voluntariado conta para o currículo? Na verdade conta, mas depende muito do que você pretende fazer após essa experiência, e se existe algo que possa estar relacionado com o seu futuro emprego e seja uma mais-valia.

Cursos de Formação com Desconto →

Por onde começar?

O voluntariado poderá ser uma chave para entrar no mercado de trabalho e adquirir experiência em áreas muito específicas. Se não tem emprego e não consegue adquirir experiência trabalhando, procure programas de voluntariado ou tente saber junto da sua comunidade que programas existem ou como pode ajudar.

Escolha o projeto de voluntariado certo para si

Um dos fatores mais importantes no voluntariado é escolher o projeto certo. Se você é estudante e começa já a pensar no seu futuro, é a altura ideal para ir experimentando pequenas experiências de voluntariado no sentido de descobrir aquela que mais se relaciona consigo e com a vida profissional que gostaria de ter no futuro. Se o seu sonho é trabalhar em eletrónica por exemplo, talvez fosse interessante uma experiência curta de voluntariado no Japão, país tecnologicamente avançado.

E depois?

Imagine que passou 5 anos da sua vida em África, onde lidou com pessoas em extremas dificuldades, onde cresceu como ser humano, adquiriu maturidade entre outras competências que fizeram de si um profissional ainda mais capaz – será que tudo isso conta para um recrutador? Talvez não, no entanto você durante esses anos ensinou uma língua e talvez tenha aprendido outra, e aí talvez surja interesse no seu perfil.

Reflita

Terminada a experiência há que refletir sobre alguns aspetos nomeadamente aqueles que estão relacionados com a vida profissional que podem ser adaptados a um futuro emprego. Estas são algumas perguntas que deve fazer a si mesmo para descobrir um pouco mais sobre o impato que o voluntariado teve em si e na sua carreira:

  • O que mudaria na sua experiência como voluntário?
  • O que o(a) desafiou?
  • Que impato teve a sua ajuda nas pessoas?
  • Que impato teve o voluntariado na sua vida?

Direcione o seu currículo para um determinado cargo

Após a conclusão da sua experiência, chega a altura de começar a procurar um emprego. A experiência que adquiriu como voluntário poderá adaptar-se de forma diferente a diferentes empregos, por isso é necessário colocar mãos à obra e identificar os fatores chave da sua experiência de voluntariado, e criar alguns modelos de currículo para candidaturas diferentes. Por serem cargos diferentes, a sua experiência como voluntário poderá ter um peso diferente em cada um deles, enalteça apenas os fatores que são relevantes para cada caso.

Nós ajudamos a encontrar
o emprego certo para si.

Nós ajudamos a encontrar os
candidatos certos para a sua empresa.