Ganhar motivação para uma entrevista de emprego

Tristeza

Por em Entrevista


A motivação pode ser um fator determinante numa entrevista de emprego, no entanto muitas pessoas não prestam a devida atenção ao seu estado espírito e sentem-se derrotadas durante a entrevista.

A entrevista deveria ser só por si uma situação motivadora, mas sabemos bem que para quem está desempregado poderá será apenas mais uma oportunidade entre tantas outras que já se esfumaram, e que a repetição de uma resposta negativa poderá deixar sequelas psicológicas.

Estar desempregado poderá ser considerado um trabalho a tempo inteiro, é necessário mantermo-nos ativos, frequentar cursos de formação, realizar tarefas domésticas, auxiliar na comunidade, fazer voluntariado, ajudar amigos em tarefas, entre outras coisas que possam ajudar a melhorar a nossa auto-estima e a fazer-nos sentir úteis à sociedade.

Cursos de Formação com Desconto →

Sabemos que quem se encontra em situação de desemprego tem dificuldades ao nível da auto-motivação, é normal que assim seja devido à situação difícil em que se encontra, no entanto existem pequenos gestos que podem ajudar a minimizar o desconforto, ansiedade e desmotivação antes de uma entrevista de emprego.

Grupos de emprego

A família e amigos são grupos de pessoas que estão sempre prontas a ajudar-nos, no entanto por não estarem na mesma situação e exigirem demais de nós, acabam por dificultar ainda mais a nossa tarefa de auto-motivação.

A Internet e nomeadamente as redes sociais permitem que possamos juntar-nos a grupos de pessoas que estão a viver a mesma situação que nós, e isso permite-nos discutir situações reais, conviver, e aprender com as lições e vivências dos outros desempregados. É fundamental estar dentro da comunidade e participar em grupos de trabalho, principalmente ligados ao emprego.

Outra sugestão será a participação em Gabinetes de Inserção Profissional, onde poderemos encontrar ajuda e conviver com outras pessoas que vivem as mesmas dificuldades.

Evitar a negatividade

Estar rodeado de pessoas positivas, mesmo aquelas que se encontram desempregadas é fundamental para elevar a nossa confiança. Essa transmite-se de pessoa para pessoa e transparece naturalmente numa entrevista de emprego, beneficiando positivamente a nossa prestação.

Se nos rodearmos de pessoas em vez de nos fecharmos em casa, conseguiremos ser mais naturais e não sentir tanto a pressão de falhar numa entrevista.

Se o azar continua a bater-nos à porta consecutivamente, é preciso continuar a acreditar que um dia tudo vai ser diferente. Se quisermos muito e fizermos o que está ao nosso alcance, um dia a entrevista correrá lindamente e o emprego será nosso.

Manter a atividade

Estar ativo é um dos pilares da auto-motivação. Estar permanentemente rodeado de pessoas, contatos e a adquirir conhecimento é extremamente positivo para a nossa vida, mesmo estando desempregado.

O desemprego não tem que ser um travão a tudo aquilo que fazíamos anteriormente, em vez disso deverá motivar-nos a não pararmos e a continuarmos a fazer tudo o que fazíamos e se possível ainda mais do que isso.

Tirar ilações das entrevistas anteriores

Olhar para trás e conseguir ver defeitos para conseguir melhorar ainda mais é um algo que deve ter sempre em conta quando for chamado para uma nova entrevista. Se já realizou entrevistas anteriormente, não foi selecionado mas recebeu críticas construtivas, aproveite-as para otimizar a sua performance na próxima entrevista.

Nós ajudamos a encontrar
o emprego certo para si.

Nós ajudamos a encontrar os
candidatos certos para a sua empresa.