Como evitar ser enganado ou burlado numa oferta de emprego

Privacidade na Internet

Por em Aconselhamento


Tudo serve de pretexto para conseguir enganar o próximo, e nada melhor que alvos emocionalmente desgastados com o desemprego para tentar extorquir algum dinheiro.

Os burlões existem em toda a parte e a Internet não é exceção. Através dela qualquer pessoa mal intencionada poderá publicar um anúncio fraudulento em qualquer site de emprego ou de classificados grátis, sem que ninguém se aperceba das suas intenções.

Cursos de Formação com Desconto →

Existem casos em que são usados nomes de empresas fictícias, mas também de empresas reais mas que não pertencem aos burlões. Acima de tudo é preciso estar muito atento ao desenrolar da conversa que é feita durante o contato telefónico ou por e-mail.

Se desconfia muito de uma oferta de emprego esse é o primeiro sinal para não se candidatar. Para ter mais certezas, faça uma pesquisa exaustiva na Internet com os dados que são fornecidos no anúncio. Caso não encontre nada é preferível não se candidatar ou entrar em contato com o respetivo website.

Se decidiu candidatar-se e posteriormente verificou que a informação de resposta ao seu contato não é a mesma ou que se encontra distorcida, faça uma pesquisa sobre a empresa em questão na Internet. Se não encontrar qualquer informação alerte o website onde se encontra publicado o anúncio.

Normalmente os burlões procuram portais gratuitos e sem qualquer supervisão dos anúncios, para que estes possam ser aprovados sem qualquer entrave. Evite a consulta da generalidade dos portais de classificados grátis para questões de emprego, e concentre-se nos portais dedicados ao emprego que lhe dão mais garantias de qualidade dos anúncios.

O que deve evitar a todo o custo

  • Enviar dinheiro, seja que montante for;
  • Evitar obter certificados na Internet para as suas qualificações ou CV, isso não existe;
  • Evitar enviar SMS para lhe enviarem o seu CV para mil e uma empresas, isso nunca irá acontecer;
  • Evitar encontrar-se com pessoas em apartamentos;
  • Evitar aceitar empregos à experiência sem contrato.

O que deve fazer se for burlado/a?

Apresente queixa num qualquer posto da Polícia de Segurança Pública ou através do site da Polícia Judiciária. Forneça o máximo de informações possível para que a autoridade possa investigar e questionar o site onde candidatou-se, sobre mais informações do burlão. Se enviou dinheiro imprima essas transações e leva-se consigo ao posto da Polícia.

Nós ajudamos a encontrar
o emprego certo para si.

Nós ajudamos a encontrar os
candidatos certos para a sua empresa.