TAP alterou a política de recrutamento e discrimina candidatos a emprego

Avião TAP

Por em Notícias


Esta discriminação é em função da idade dos candidatos.

A estas pessoas que se candidatam a comissários e assistentes de bordo é aplicado um coeficiente variável consoante a idade, tornando-o um factor preferencial de exclusão.

Contrariamente ao que a empresa tinha acordado anteriormente, face a observações de deputados do PS, a TAP tinha sido sensível ao comentado e anunciou que ia acabar com essa política interna.

Ora, não só a empresa continua a manter uma política discriminatória, em função da idade dos candidatos a emprego, como vem contradizer tudo aquilo que já tinha sido oficialmente comunicado à Assembleia da República.

Perante esta nova atitude, os deputados do PS querem saber se o Governo tem conhecimento do comportamento da TAP e se vai dar orientações à empresa para correcção de uma atitude discriminatória.

 

 

Nós ajudamos a encontrar
o emprego certo para si.

Nós ajudamos a encontrar os
candidatos certos para a sua empresa.