Mulheres trabalham mais em casa e quase tanto como os homens no emprego

trabalho

Por em Notícias


Esta desigualdade é traduzida no tempo gasto com as tarefas domésticas e os filhos, além de só trabalharem menos 27 minutos, por dia, no emprego em relação aos homens.

Apesar de ambos trabalharem fora, são as mulheres que despendem mais do seu tempo, para cuidarem do lar e dos filhos.

Este tempo, fora do trabalho, equivale a mais 4 h e 17 minutos por dia para as mulheres, enquanto que para os homens equivale a 2h e 27 minutos diários, dedicados ao mesmo assunto.

Elas gastam mais o seu tempo a cozinhar, limpar a casa e a tratar da roupa, enquanto eles se dedicam a pagar contas, seguros e renda da casa, a fazer compras e reparações domésticas.

Além de que isto tudo implica no tempo que as mulheres dispõem para cuidar de si próprias e de fazer aquilo que lhes dá prazer, o chamado “tempo para mim”, que na grande maioria dos casos deixa de existir, passando a existir em função dos outros. Passatempos como a leitura, trabalhos manuais, crochet, jardinagem, ir ao cinema ou mesmo ver simplesmente televisão, são tudo coisas que vão ficando para trás.

Pese embora,  as diferenças existentes, ao nível do emprego, serem cada vez menores, tendendo a haver uma desigualdade cada vez menor, no que se refere ao trabalho em casa, elas continuam a manter-se.

Apesar deste panorama, a maioria das mulheres (7 em cada 10) consideram que esta acumulação de trabalhos, corresponde ao que é justo, dedicando-se à família e fazendo o que é esperado de si, por parte da sociedade.

 

 

 

Nós ajudamos a encontrar
o emprego certo para si.

Nós ajudamos a encontrar os
candidatos certos para a sua empresa.